quinta-feira, 16 de setembro de 2010

O Cão e a Bebê


Antes da Pinguinho chegar por estas bandas, um outro serzinho entrou para a família...

Em 2008, ano de muitas mudanças na casa... Literalmente mudar de casa...Encomendar um bebê e um cachorrinho também.

A parte o "cachorrinho" foi a mais difícil de conseguir, pois meu maridinho não é muito fã de cães, ele tem medo da maioria e é SUPER (super mesmo, depois eu falo disto) nojento com tudo, com bicho então... nossa.
Entretanto, coitado, casou com a pessoa errada.
Eu Amo Animais.... Todos...
Já tive tudo que é bicho que vcs possam imaginar, gato, porquinho-da-índia, hamster, peixes até um girino de rã touro (o Hebert, tadinho que Descanse em Paz...). Não é a tôa que fiz biologia, né...

Cresci com cachorros... Como morava em apartamento, tinha um cão meu na casa de cada vó....O Toquinho, que mancava de uma patinha depois que foi atropelado e o Lulu, que na verdade era da minha vó, mas eu brincava de casinha com ele e fazia o pobre andar o quintal inteiro segurando sua pata dianteira, pois era meu filho...kkkk

Enfim... em julho de 2008, com a Pinguinho com 2 meses na barriga, o Jack Sparrow veio para casa.

Um lindo Golden Retriver de 3 meses com 12kg.


Os golden são cães super dóceis... Sabe aquilo que dizem: " Só tem tamanho..." É bem por ai, mesmo...
Eles são carentes por natureza, precisam de atenção de pessoas, e adoram brincar, incansáveis nas brincadeiras, na verdade.

E o Jack, foi crescendo...



A Pinguinho nasceu e foi feita uma adaptação bem tranquila entre os dois... Ele morria de curiosidade daquela coisa minúscula rosa... e ela só começou a notá-lo depois dos 4 meses...

Abusado dentro da cozinha... mas quem será que deixou ele entrar???

Hoje eles se dão super bem...

A Pinguinho sempre que o vê, fala:  Éque, Ooii! Udo bem?? Cainho....
Dá bronca quando ele tenta lamber ela: Naum, páia! Páia!

E agora, os dois fingidos, nunca assume a culpa de quando o moção entra na sala e roupa algum brinquedo da mocinha...
Ele que entrou e pegou, ou ela jogou para ele????
Nunca saberei....



A primeira palavra dela foi Éque!!!!(Jack)
Assim, pelo menos não deu briga entre papai e mamãe...kkk

As vezes acontecem alguns acidentes... Afinal o Jack tem 34kg, mas acha que é um poodle micro toy, e sem querer, derruba a Pinguinho só com o balançar do rabo...
Depois de alguns tombos ela foi ficando mais esperta e não entra na frente dele e espera ele se acalmar para fazer Cainho.
Parece a Felícia, sabe....



Cão e bebê... Imagino o que eles vão aprontar mais pra frente.

************

Ah... Pinguinho dormiu melhor esta noite.
Graças a Deus!
O resfriado está passando e agora deixou a Tosse...
Mas está bem melhor....

9 comentários:

  1. Aiinn...o "Éque" é liiindooo!!! Sou doida pra ter um cachorro.acho que faria muito bem pro meu filho deficiente,mas seria mais um filho pra cuidar, Além do que o mais penso é no dia em que esse "filho" partir,eu e marido pensamos que estaríamos comprando um sofrimento. Louco isso né?Depois que vi "Marley e eu" e "Sempre ao seu lado"traumatizei:(
    Que bom que a pinguinho melhorou!Beijo grande!

    ResponderExcluir
  2. Oi! é a primeira vez q visito seu blog e ñ resisti a comentar, pois tb tenho um cão e um bebê, ou melhor, duas filhas, a mais velha uma poodle rabugenta de 6 anos e a mais nova a Ana Luiza com 2...
    Bem a primeira palavra dela tb foi o nome da cachorra... Teka! assim ñ deu briga lá em ksa tb!
    bjinho

    ResponderExcluir
  3. Tudo de bom querida, essa raça parece que é a mais cool pra cç. Ele é lindo adoraria ter um, mas tenho duas cachorrinhas bem velhinhas, então agora não posso. E que lindo eles dois juntos, acho que a cç desenvolve suas habilidades motoras melhor quando tem alguma coisa se movendo pra interagir. Lindos....

    ResponderExcluir
  4. oi flor, kkk..parecem dois irmãos fazendo arte....o Jack é muito fofo, apesar de eu não gostar de ter cachoro....acho que vc está no caminho certo, se gosta tem que ensinar a terem um bom relacionamento...rsss....que o cão e o bebê sejam sempre unidos....bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá,

    Também AMO animais, porém morando em apartamento fica difícil. Acho que meu filho iria amar ter um cachorrinho, pois sempre que vê um fica doidinho!!
    Fico feliz em saber que sua filhinha está melhor... Que bom!

    Beijos...

    ResponderExcluir
  6. Tem amizade mais pura do que a de um cachorro??? Eu sou apaixonada por eles e confesso que não choro vendo um atropelamento de uma pessoa, mas se ouvir um chorinho de um cachorro qualuqer, me descabelo e choro desesperadamente...é feio isso???rs

    Eu tenho uma cocker linda e velhinha, que adotamos da rua. Ela é um doce, muito meiga e odeia pombos..kkkkk
    Clara e ela são um grude só, mas não pela parte da Cachorra, que vive fugindo da Clara, porque esta..esta minha amiga..é a verdadeira Felícia!!!kkkkkkk

    Linda sua Pinguinho com Jack!rs

    Beijocas
    Ju eClara

    ResponderExcluir
  7. Que cachorro mais lindo!! eu quero, eu quero!!
    O Dgo também, a primeira coisa que falou foi EQUE, eu tinha um cachorrinho na minha mãe que se chamava Sheike!! Também não deu briga!! rsrsrs Mas, assim, que comprar uma casa vou querer um golden, são tão lindos, sou apaixonada!!!
    abraços
    ótimo final de semana!!

    www.vimpraserfeliz.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Juuuu
    Adorei esse post!!!
    O Jack é lindo demais!!!
    Que legal ver os dois tão juntinhos, desde "sempre", tão legal, neh?!!!
    Eu tb adoro cães. Aqui em casa temos 4. O Lucas adora todos, brinca, abraça e até beija, quando não estou olhando... (depois ele ainda me conta bem safadinho!!!!)
    Mas ele não gosta muito dos grandes não... tínhamos um pastor, mas ele realmente era muito ciumento e pulava muito, poderia machucar o Lucas pra valer. Quando nunca soltávamos o coitado do canil... aí o Lucas pediu para ele ir embora e levamos o Max pra fazenda. Nunca mais o vimos. Agora, sem o grandalhao, ele fica super a vontade em meio a cachorrada!!!

    É muito bom esse contato desde pequeninho neh?!

    Beijocas e um ótimo final de semana!!!
    Vou lá preparar meu super lanche com aveia em flocos (eeeeca!)
    Ah, valeu pela força lá no blog! Vou conseguir, amiga, vou conseguir!!!

    ResponderExcluir
  9. Oi JU,
    também amo animais e sempre tive.
    Aqui em casa nós temos a Xina e as meninas se dão super bem. Também rola a maior cumplicidade.
    Muito lindo o Jack. Eu dorei ver os dois super ligados.
    Adorei o post.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Adoro comentarios!
Fique a vontade!
Beijinhos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...